Projetos

Sabiá-Barranco do cmdpii

Colégio Militar Dom Pedro II
Brasília - DF

HERDSON RENNEY DE SOUSA

  • Giovanna D'Oliveira Gonçalves
  • Lucas Eduardo Lira Dos Santos
  • Valentina de Ramalho e Mendonça
  • Davi Barros Santos Paiva Dias

Nossa equipe Sabiá-barranco do Colégio Militar Dom Pedro II de Brasília-DF fica sob a orientação do prof.

Dr. Sargento Renney e é composta por alunos selecionados do 8° e 9° ano do Ensino Fundamental: Davi Paiva, Giovanna D’Oliveira, Lucas Eduardo e Valentina Mendonça.
O projeto da Olimpíada de Restauração de Ecossistemas e da Natureza iniciou com reuniões online com toda a equipe visando contextualizar a problemática ambiental e estudar diversas estratégias e ações sustentáveis para remediá-la.

O Parque dos Pássaros foi escolhido para implementar nossas ações devido a sua proximidade ao colégio e por apresentar diversas áreas degradadas com solo compactado (sem vegetação), crescimento de espécies exóticas invasoras (cana do reino e leucena), vazamento de esgoto e presença de moradores em situação de rua e lixo.
Primeiramente, nosso papel foi de acionar o Poder Público para informar das condições do parque através de folders, reuniões e denúncias via ouvidorias dos seguintes órgãos: CAESB, Secretaria de Assistência Social, Câmara Legislativa do DF, Novacap e Administrações regionais. Além disso, arrecadamos doações de alimentos para os moradores de rua que nos informaram estar vivendo no local há mais de 6 anos. Em seguida, realizamos o plantio de sementes nativas do Cerrado, previamente coletadas pela equipe (banco de sementes), e proteção de mudas com garrafas PET.

Adicionalmente, conhecemos o Messias Pawiri, indígena Xavante da instituição indígena Portal do Xingu no Parque dos Pássaros que aceitou nosso convite de dar palestra sobre seus hábitos de vida para os alunos do 7° ano do colégio. Assim, foi possível conscientizar os estudantes à realidade dessa comunidade e da importância da educação ambiental no dia-a-dia.
A equipe ministrou também várias oficinas sobre restauração de solo compactado e o Cerrado em regeneração para mais de 200 alunos de 7° ano do colégio.
Por fim, essa experiência foi enriquecedora por todos da equipe e da comunidade escolar.

Utilizamos cookies e outras tecnologias para lhe oferecer uma experiência de navegação melhor, analisar o tráfego do site e personalizar o conteúdo, de acordo com a nossa Política de Privacidade e Política de Cookies. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.